Como a Atividade Física Diminui a Ansiedade e o Estresse

Que a Atividade Física traz benefícios para a saúde de um modo geral é um fato incontestável. Porém, importante ressaltar que a atividade física também diminui a ansiedade e o estresse de forma muito eficaz!

A Atividade Física também é considerada vital para manter a saúde mental, reduzindo os níveis de estresse e ansiedade nos indivíduos. Atualmente, existem diversos tipos de transtornos de ansiedade definidos pela ciência.

Atividade Física Reduz a Ansiedade e o Estresse

Estudos mostram que a prática de exercícios físicos de forma regular é muito eficaz na redução da fadiga, melhorando o estado de alerta e a concentração, além de melhorar a função cognitiva geral. O que é muito importante para os casos de em que altos níveis de ansiedade esgotam sua energia ou capacidade de concentração.

Quando o estresse afeta o cérebro, com suas muitas conexões nervosas, o resto do corpo sente o impacto também. Do mesmo jeito, quando o seu corpo se sente bem, o mesmo acontece com a sua mente.

Exercícios e outras atividades físicas produzem endorfinas – substâncias químicas no cérebro que agem como analgésicos naturais – e também melhoram a capacidade de dormir, o que, por sua vez, reduz o estresse e a ansiedade.

Cientistas já comprovaram que a prática regular de exercícios aeróbicos ajudam a diminuir os níveis gerais de tensão, elevar e estabilizar o humor, melhorar o sono e a auto-estima. Cerca de cinco minutos de exercícios aeróbicos já podem começar a minimizar os efeitos sobre o corpo de um dia estressante e exaustivo.

Como os Exercícios Físicos agem nos Transtornos de Ansiedade

Estresse e ansiedade são partes normais da vida. Mas, os transtornos de ansiedade afetam milhões de adultos e já são as doenças psiquiátricas mais comuns no mundo.

Os benefícios do exercício podem se estender além do alívio do estresse para melhorar a ansiedade e transtornos relacionados.

Psicólogos que estudaram como a atividade física diminui a ansiedade e a depressão sugerem que uma caminhada de 10 minutos pode ser tão boa quanto um treino de 45 minutos. Alguns estudos mostram que o exercício pode funcionar rapidamente para elevar o humor depressivo em muitas pessoas.

Os Efeitos dos Exercícios no Corpo

Embora os efeitos possam ser temporários, eles demonstram que uma caminhada rápida ou outra atividade simples pode proporcionar várias horas de alívio, semelhante ao uso de uma aspirina como dor de cabeça.

A ciência também forneceu algumas evidências de que pessoas fisicamente ativas têm menores taxas de ansiedade e depressão do que pessoas sedentárias. A prática de exercícios pode melhorar a saúde mental, ajudando o cérebro a lidar melhor com o estresse e a ansiedade.

Em um estudo, os pesquisadores descobriram que aqueles que praticavam exercícios vigorosos regularmente tinham uma probabilidade 25% menor de desenvolver depressão ou transtorno de ansiedade nos cinco anos seguintes.

Atividade Física como parte da Terapia para o Estresse e a Ansiedade

De acordo com alguns estudos, o exercício regular funciona bem como a medicação para algumas pessoas para reduzir os sintomas de ansiedade, estresse e depressão – e os efeitos podem ser duradouros. Uma sessão vigorosa de exercícios pode ajudar a aliviar os sintomas por horas, e uma prática regular pode reduzi-los significativamente com o tempo.

Embora o exercício tenha um efeito positivo para a maioria das pessoas, como todas as formas de terapia, o efeito pode variar: algumas pessoas podem responder positivamente, outras podem achar que não melhoram o seu humor, e algumas podem experimentar apenas um modesto benefício a curto prazo.

No entanto, os pesquisadores afirmam que os efeitos benéficos do exercício físico na saúde em geral são notórios. Portanto, as pessoas devem ser encorajadas a permanecer fisicamente ativas.

Dicas para Iniciantes

Se você já tem um programa de exercícios, mantenha ou aprimore o seu ritmo. No entanto, se este não é seu caso, veja aqui algumas recomendações sobre a questão:

  1. Pratique uma atividade física três a cinco vezes por semana por cerca de 30 minutos. Corra, caminhe, ande de bicicleta, nade, pule corda, o importante é que o total de 150 minutos de atividade física em um período de 7 dias é tido como o ideal.
  2. Pratique exercícios que sejam divertidos ou agradáveis para você. Se você tem uma personalidade social ativa, prefira atividades em equipe ou aulas em grupo. Se não for o seu caso, tente esportes individuais, como correr, nadar ou o ciclismo.
  3. Estabeleça pequenos compromissos diários e mantenha firmeza na prática delas! Prefira pequenas e verdadeiras vitórias diárias em vez de treinos exaustivos nos finais de semana. É melhor andar todos os dias de 15 a 20 minutos do que praticar uma maratona aos domingos. Estudos comprovam que a regularidade é o aspecto mais importante.
  4. Encontre amigos para os treinos. É mais fácil manter sua rotina de exercícios quando você assume o compromisso com um amigo, parceiro ou colega. Pode ser o pessoal do trabalho, do clube ou do seu condomínio. Reúna sua galera!

Resultados Demoram a Aparecer

Não espere resultados práticos para o dia seguinte. A grande parcela das pessoas não esportivas precisa de 2 a 3 meses para perceber os resultados. E o mais importante: consulte seu médico antes de começar qualquer atividade física mais puxada, principalmente se você vive uma vida sedentária!

O importante é começar. Compartilhe aqui seus resultados e conquistas contra o estresse e a ansiedade através de prática de atividades físicas! Encoraje outras pessoas!

Esse artigo tem como Fonte e Referências texto do site Anxiety and Depression Association of America


Compartilhe esse Artigo e comente abaixo sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *